Política

Lídice vota contra reajuste para ministros do STF; Otto e Pinheiro são a favor

A matéria foi aprovada com 41 votos a favor e 16 contra

[Lídice vota contra reajuste para ministros do STF; Otto e Pinheiro são a favor ]
Foto : André Corrêa

Por Rodrigo Daniel Silva no dia 08 de Novembro de 2018 ⋅ 07:00

Dos três senadores baianos, Lídice da Mata (PSB) foi a única que votou contra o projeto de reajuste do salário dos ministros do Supremo Tribunal Federal. A matéria foi aprovada com 41 votos a favor e 16 contra.

Os senadores Otto Alencar (PSD) e Walter Pinheiro (sem partido) defenderam o aumento do rendimentos dos magistrados que vai pular de R$ 33,7 mil para R$ 39,2 mil. Pinheiro se afastou do cargo de secretário estadual de Educação para apreciar o projeto.

A mudança salarial passa a valer a partir da sanção presidencial. O Senado ainda aprovou outro projeto que também reajusta em 16% o salário para o cargo de procurador-geral da República, que também vai passar a ser R$ 39,2 mil.

Notícias relacionadas

[Bolsonaro divulga texto que cita Brasil 'ingovernável']
Política

Bolsonaro divulga texto que cita Brasil 'ingovernável'

Por Matheus Simoni no dia 17 de Maio de 2019 ⋅ 14:55 em Política

O texto, que não tem autor conhecido, afirma que o País "está disfuncional", não por culpa de Bolsonaro, mas que "até agora (o presidente) não fez nada de fato, não aprov...

['Carlos sabe como manipular o pai', diz Bebianno]
Política

'Carlos sabe como manipular o pai', diz Bebianno

Por Juliana Rodrigues no dia 17 de Maio de 2019 ⋅ 12:40 em Política

"O presidente está perdendo quase todos os seus verdadeiros aliados por conta disso", analisou o ex-ministro, em entrevista à revista Veja