Política

Condotieri: Justiça permite que vereador investigado volte ao cargo 

Além do vereador, estão envolvidos no esquema um ex-presidente da Câmara de Vereadores de Vitória da Conquista e um assessor de um deputado federal

[Condotieri: Justiça permite que vereador investigado volte ao cargo ]
Foto : Divulgação

Por Alexandre Galvão no dia 09 de Novembro de 2018 ⋅ 07:18

O desembargador Jatahy Junior, relator da Condotieri no Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA), publicou decisão em que permite que o vereador Rodrigo Oliveira da Silva Moreira (PP) volte ao posto. Ele ocupa o mandato na Câmara Muncipal de Vitória da Conquista. O magistrado negou, porém, a suspensão do sigilo telemático e a o encerramento do bloqueio de bens.

Moreira foi acusado pela Polícia Federal de oferecer empregos no presídio da cidade, em troca de apoio na campanha e de votos. Os suspeitos teriam também usado a rutura de outros órgãos públicos, como o Detran e a zona azul, para o mesmo fim e para falsificar recibos entregues na prestação de contas à Justiça Eleitoral.

Além do vereador, estão envolvidos no esquema um ex-presidente da Câmara de Vereadores de Vitória da Conquista, o assessor de um deputado federal, um ex-deputado estadual da Bahia, assessores, o ex-diretor do 4º Ciretran de Vitória da Conquista, membros da empresa que administra o novo presídio de Vitória da Conquista, sócios administradores do consórcio zona azul, além de outras pessoas.

Notícias relacionadas