Política

‘Brasil criou preconceito com reforma agrária’, critica secretário 

Neste domingo (25), a Bahia recebe a 9ª Feira Baiana da Agricultura Familiar e Economia Solidária

[‘Brasil criou preconceito com reforma agrária’, critica secretário ]
Foto : Tácio Moreira / Metropress

Por Alexandre Galvão no dia 22 de Novembro de 2018 ⋅ 09:40

Secretário de Desenvolvimento Rural da Bahia, Jerônimo Rodrigues criticou, em entrevista à Rádio Metrópole, o fato do Brasil ter criado “um preconceito” com a reforma agrária. “Criamos no Brasil um preconceito sobre a forma. Acabamos não fazendo a reforma. Países que fizeram têm um campo muito mais desenvolvido. A gente ainda tem muita gente no cabo da enxada, não precisava disso, precisamos de reforma agrária”, afirmou, a Mário Kertész

O chefe da pasta falou ainda sobre a importância da agricultura familiar. Para ele, a atividade agrega valo a comunidades carentes e, quem compra, incentiva uma atividade social. “É muito legal saber que na loja dá para comprar um produto feito pelas mãos de índio, negros. Além de comprar um produtor de qualidade, você está fazendo um trabalho social. É fundamental a integração de rede de mercados”. 

Neste domingo (25), a Bahia recebe a 9ª Feira Baiana da Agricultura Familiar e Economia Solidária, que acontece no Parque de Exposições de Salvador, em paralelo à 31ª Feira Internacional da Agropecuária (Fenagro), de 24 de novembro a 02 de dezembro. A Feira é promovida pelo governo estadual, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR) e União Nacional das Cooperativas da Agricultura Familiar e Economia Solidária (Unicafes).

Notícias relacionadas

[ACM Neto nega fusão do DEM com o PSL]
Política

ACM Neto nega fusão do DEM com o PSL

Por Juliana Rodrigues no dia 21 de Outubro de 2019 ⋅ 08:00 em Política

Prefeito de Salvador e presidente nacional do DEM avaliou que falta maturidade política aos membros da sigla de Jair Bolsonaro