Política

Abin não deve passar por mudanças, diz General Augusto Heleno

O atual comandante do gabinete, general Sergio Etchegoyen, também defendeu a manutenção do atual comando da Abin

[Abin não deve passar por mudanças, diz General Augusto Heleno]
Foto : Antônio Cruz / Agência Brasil

Por Daniel Brito no dia 03 de Dezembro de 2018 ⋅ 18:40

O futuro ministro do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), general da reserva Augusto Heleno, disse hoje (3) que a Agência Brasileira de Inteligência (Abin) não deve passar por grandes mudanças nos seus quadros no governo do presidente eleito Jair Bolsonaro.

“Não tem também muita coisa para mexer. Hoje vocês viram aí o prestígio do GSI, as inúmeras missões, a necessidade da proximidade do GSI com o presidente. Isso me preocupa muito mais do que mexer em gente. Não tenho por que pensar nisso agora. disse, em cerimônia hoje, no Palácio do Planalto, em comemoração aos 80 anos do gabinete. 

“Essas mexidas não são muito normais. O GSI, como o Ministério da Defesa, são dois ministérios que já vinham bastante arrumados. Não tem muito o que se preocupar em mexer com gente”, acrescentou.

O atual comandante do gabinete, general Sergio Etchegoyen, também defendeu a manutenção do atual comando da Abin. “Eu acho que a continuidade, pelo menos por um pequeno período, consolidará resultados, sobretudo, na área de gestão”, ponderou.
 

Notícias relacionadas