Política

Augusto Aras participa de reunião de líderes no Senado

Indicação ainda passará por uma sabatina na Comissão de Constituição e Justiça do Senado, antes de ser votada no plenário

[Augusto Aras participa de reunião de líderes no Senado]
Foto : Marcos Brandão/Agência Senado

Por Danielle Campos no dia 11 de Setembro de 2019 ⋅ 19:30

Augusto Aras, indicado pelo presidente Jair Bolsonaro para ocupar o cargo de Procurador-Geral da República, esteve presente na tarde de ontem (10) na reunião de líderes da Casa, no Senado. A indicação ainda passará por uma sabatina na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado, antes de ser votada no plenário.

Os parlamentares expressaram um receio sobre a independência de Aras em relação a Bolsonaro. No entanto, de acordo, com o senador Otto Alencar, o mesmo não apresentou nenhum alinhamento com o presidente. "Essa questão foi levantada e ele respondeu à altura. [Disse] que a indicação do presidente não vai dar nenhuma conotação de que ele vai seguir aquilo que o presidente deseja”, disse.

Aras falou com a imprensa ao sair da reunião, relatando que as conversas com os senadores têm sido "proveitosas" e que ainda não pode responder a determinadas perguntas, que segundo ele, só cabem respostas ao Senado, na sabatina.

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre, informou na segunda-feira (9) que a indicação só deve ser votada em plenário na semana do dia 22 de setembro, após o término do mandato da atual procuradora-geral, Raquel Dodge. O cargo será ocupado interinamente por um substituto.

Notícias relacionadas