Política

Youssef é ouvido pela Justiça em ação que PSDB pede cassação de Dilma

A Justiça Federal ouviu mais uma vez, na manhã desta segunda-feira (8) em Curitiba, o doleiro Alberto Youssef. O objetivo da Justiça é coletar informações para a ação aberta, solicitada pelo PSDB, que investiga suposto abuso de poder econômico da presidente Dilma Rousseff (PT) na campanha de reeleição de 2014. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Reprodução/ Estadão

Por Bárbara Gomes no dia 09 de Junho de 2015 ⋅ 14:12

A Justiça Federal ouviu mais uma vez, na manhã desta segunda-feira (8) em Curitiba, o doleiro Alberto Youssef. O objetivo da Justiça é coletar informações para a ação solicitada pelo PSDB, que investiga provável abuso de poder da presidente Dilma Rousseff (PT) na campanha de reeleição de 2014.

Em depoimento, o doleiro confirmou o que tinha dito para a Operação Lava Jato e à CPI da Petrobras a respeito dos desvios na estatal, de 2004 até 2015. Mas Youssef não indicou questões diretas de corrupção na campanha da candidata do PT em 2014. O doleiro tinha apontado em acordos de delação premiada, o seu envolvimento com doações eleitorais aos partidos  PT, PMDB e PP.

Youssef foi ouvido pelo juiz Nicolau Lupianhes Neto, da Corregedoria do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e disse não ter participado diretamente de esquemas durante as campanhas das eleições porque já estava preso.

Notícias relacionadas

[Temer e Moreira ficarão presos no mesmo local que Pezão ]
Política

Temer e Moreira ficarão presos no mesmo local que Pezão 

Por Alexandre Galvão no dia 21 de Março de 2019 ⋅ 14:13 em Política

"Determino que o investigado Michel Miguel Elias Temer Lulia, na qualidade de ex-Presidente da República, seja custodiado na Unidade Prisional da Polícia Militar do Estad...

[Amigo de Temer, coronel Lima é preso]
Política

Amigo de Temer, coronel Lima é preso

Por Alexandre Galvão no dia 21 de Março de 2019 ⋅ 13:42 em Política

Temer foi preso também em São Paulo quando se dirigia para seu escritório