Política

Dilma garante benefícios para população: "Não mudamos de lado"

Bastante aplaudida em sua chegada ao 5º Congresso Nacional do Partido dos Trabalhadores (PT), realizado nesta quinta-feira em Salvador (11), a presidente Dilma Rousseff (PT) falou sobre os pacotes de medidas implantados no seu segundo mandato. Tais medidas foram bastante criticadas, até mesmo por correligionários da presidente, por conta da alta dos impostos e da crise financeira do país. Para Dilma, o momento requer uma reflexão. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Tácio Moreira/Metropress

Por Matheus Simoni no dia 11 de Junho de 2015 ⋅ 23:20

Bastante aplaudida em sua chegada ao 5º Congresso Nacional do Partido dos Trabalhadores (PT), realizado nesta quinta-feira em Salvador (11), a presidente Dilma Rousseff (PT) falou sobre os pacotes de medidas implantados no seu segundo mandato. Tais medidas foram bastante criticadas, até mesmo por correligionários da presidente, por conta da alta dos impostos e da crise financeira do país.

Para Dilma, o momento requer uma reflexão. "Nós não mudamos de lado. Não mudamos os compromissos que firmamos quando fomos eleitos. Lembro que o nosso quarto mandato está apenas no início. Eu venho para assegurar a cada militante petista que temos uma agenda consistente e forte de medidas que vão garantir o crescimento e a continuidade da ascenção social", afirmou ela. "Esta etapa está apenas começando, e quero fazer isso com o meu partido e com os partidos da base aliada", declarou a presidente.

Dilma ainda ressaltou ser necessário que os membros do partido devem estar unidos diante de tal crise. "O PT deve saber fazer a leitura correta da conjuntura que estamos vivendo e propor caminhos que representem o melhor para o país e o melhor para o povo brasileiro. Trata-se de conservar as conquistas e consolidar os avanços. Este é o meu objetivo, assim como o de todos aqui que compartilham a vontade de mudar o Brasil", ressaltou.

Notícias relacionadas