Saúde

Mutirão de cirurgias tem início nesta quarta; 13 mil serão beneficiados

Todos os 417 municípios do estado serão contemplados com o projeto. As prefeituras serão responsáveis por garantir o acesso dos pacientes às cidades onde serão realizados os procedimentos. [Leia mas...]

[Imagem not found]
Foto : Carol Garcia/GOVBA

Por Milene Rios no dia 30 de Agosto de 2016 ⋅ 08:36

Quem está na fila de espera para fazer cirurgias de alta complexidade em hospitais públicos da Bahia, pode ter o tratamento realizado a partir deste mês de setembro. Os baianos serão beneficiados pelo Mutirão de Cirurgias implementado pelo Governo do Estado, através do programa Saúde sem Fronteiras. Serão atendidas gratuitamente 13 mil pessoas no período de um ano. O objetivo é reduzir a fila de espera para cirurgias de vesícula, câncer de próstata, hérnia, útero, miomas e câncer de mama. A ação, que é inédita no País, começará com os procedimentos pré-operatórios. O governador Rui Costa adiantou, em entrevista à Rádio Metrópole, no lançamento do projeto, que cidades com mais cadastrados terão prioridade

De acordo com o secretário de saúde do Estado, Fábio Vilas Boas, o governo disponibilizará a equipe médica e toda a estrutura para os procedimentos, além do acompanhamento do paciente após a cirurgia. “A caravana vai até as cidades do interior. Quem já está com alguma cirurgia eletiva prevista, é só procurar a secretaria municipal da sua cidade. O objetivo é descentralizar, regionalizando e levando a saúde pública pra perto das pessoas.”, afirmou o secretário. 

Os atendimentos médicos serão realizados nos hospitais estaduais e nas unidades complementares de cada região do estado. As prefeituras serão responsáveis por garantir o acesso dos pacientes às cidades onde serão realizados os procedimentos. Os pacientes também receberão um kit pós-operatório, com todos os medicamentos para a recuperação. Todos os 417 municípios do estado serão contemplados com o projeto.

Notícias relacionadas