Saúde

Celular explode durante conversa e homem tem parte da face queimada

Segundo o site Gazeta Web a explosão de um celular deixou José Vânio da Silva, de 31 anos, ferido na noite desta terça-feira (6), em Maceió.

[Imagem not found]
Foto : Gazeta Web

Por Metro1 no dia 08 de Setembro de 2016 ⋅ 08:22

A informação é da 'Gazeta Web'. Segundo o site a explosão de um celular deixou José Vânio da Silva, de 31 anos,  ferido na noite desta terça-feira (6), em Maceió. 

A vítima teve fratura de 1/3 médio da face e ainda queimou o lábio e uma das mãos. Ele foi socorrido e encaminhado para o HGE Professor Osvaldo Brandão Vilela em Maceio.

Segundo informações de amigos da vítima, Vânio falava ao telefone no momento. A suspeita, "é de que o aparelho tenha explodido enquanto estava sendo carregado". 

A engenheira elétrica Marylene Roma, professora do Instituto Federal de Brasília, afirma a Agência Brasil, que "o risco de usar o celular ligado à tomada aumenta quando a instalação elétrica da casa está deteriorada. “Usar uma extensão, em que a gente coloca quatro, cinco equipamentos, é muito perigoso, pois sobrecarrega a tomada. Às vezes, colocamos até dez vezes mais carga que o suportado por uma tomada”, disse.

"A professora também orienta carregar a bateria de celulares longe de locais inflamáveis e evitar ligar aparelhos nas tomadas do banheiro enquanto o chuveiro estiver ligado, pois a umidade aumenta os riscos de acidente. A recomendação é colocar em lugares que, se acontecerem curto-circuito e incêndio, não prolifere fogo pela casa inteira. Colocar longe de cadeiras, mesas, camas - o que a gente faz regularmente. Mas é melhor colocar no chão e bem longe de um local inflamável”, completa.

Notícias relacionadas

[Número de detecções de Aids cai 16% no Brasil]
Saúde

Número de detecções de Aids cai 16% no Brasil

Por Juliana Rodrigues no dia 27 de Novembro de 2018 ⋅ 12:00 em Saúde

De acordo com o Ministério da Saúde, queda nos índices se deve à ampliação do acesso à testagem e à redução do tempo entre o diagnóstico e o início do tratamento da doenç...