Saúde

Número de mortes confirmadas por febre amarela sobe para 89

Após a morte de sete pessoas nos últimos dois dias em decorrência da febre amarela e da confirmação de mais 20 casos da doença em Minas Gerais, do Espírito Santo e de São Paulo, as autoridades municipais de Saúde estão em estado de alerta. [Leia mais...]

[Número de mortes confirmadas por febre amarela sobe para 89]
Foto : Reprodução

Por Yasmin Garrido no dia 18 de Fevereiro de 2017 ⋅ 08:40

Após a morte de sete pessoas nos últimos dois dias em decorrência da febre amarela e da confirmação de mais 20 casos da doença em Minas Gerais, do Espírito Santo e de São Paulo, as autoridades municipais de Saúde estão em estado de alerta. De acordo com o balanço divulgado na última sexta-feira (17) pelo Ministério da Saúde, desde o início de 2017, dos 200 óbitos suspeitos de febre amarela notificados, 89 foram confirmados, 108 continuam sob investigação e três foram descartados. Até o momento, as mortes provocadas pela febre amarela ocorreram em Minas Gerais (77), no Espírito Santo (9) e em São Paulo (3).

No total, 1.258 casos suspeitos da doença foram notificados neste ano, sendo que 263 foram confirmados, 882 continuam sendo investigados e 113 foram descartados. De acordo com a pasta de Saúde, 82% dos casos foram registrados em Minas Gerais, 13% no Espírito Santo, 1,3% em São Paulo, 1,2% na Bahia e o restante no Tocantins e Rio Grande do Norte. 

Na tentatva de conter o avanço da febre amarela no país, o Ministério da Saúde enviou 12,7 milhões de doses extras da vacina de combate à doença para os estados que registraram o surto e para localidades que tiveram casos notificadaos. As vacinas, segundo o ministério, são um adicional às doses de rotina do Calendário Nacional de Vacinação, enviadas mensalmente aos estados.

Notícias relacionadas