Saúde

Composto de planta da Mata Atlântica combate leishmaniose e Chagas

Planta conhecida como canela-seca combate parasitas que transmitem essas doenças

[Composto de planta da Mata Atlântica combate leishmaniose e Chagas]
Foto : J. P. Maçaneiro

Por Catarina Lopes no dia 15 de Julho de 2019 ⋅ 18:40

Um composto derivado de uma planta originária da Mata Atlântica, a Nectranda leucantha, conhecida pelos nomes canela-seca ou canela-branca, combate os parasitas que transmitem a doença de Chagas e a leishmaniose visceral.

As informações são de um estudo do Instituto Adolfo Lutz, Universidade Federal do ABC e Universidade de Oxford, apoiado pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, que pode resultar em novos medicamentos para o tratamento dos pacientes.

“O próximo passo do nosso trabalho consiste na realização de ensaios in vivo, ou seja, no animal acometido pela doença para confirmação da atividade já observada nos nossos estudos. O importante, nesse caso, é que a substância que testamos apresenta baixa toxicidade, ou seja, é seletiva atuando no parasita”, explica o pesquisador João Henrique Ghilardi Lago, da Universidade Federal do ABC.

Notícias relacionadas