METROPOLE

Segunda-feira, 17 de maio de 2021

Bahia

Pássaros silvestres e carvão vegetal irregular foram apreendidos em operação na região da Chapada Diamantina

800 sacos de carvão vegetal estavam sem licença ambiental para comercialização e os pássaros foram encontrados em condições de maus tratos.

Pássaros silvestres e carvão vegetal irregular foram apreendidos em operação na região da Chapada Diamantina

Foto: Divulgação / Polícia Rodoviária Federal

Por: Stephanie Suerdieck no dia 02 de fevereiro de 2021 às 19:02

Uma operação de combate a crimes ambientais realizada entres os dias 30 e 31 de janeiro, em cidades da região da Chapada Diamantina, realizada em conjunto pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) e pelo Ministério Público da Bahia (MPE-BA) apreendeu 89 aves silvestres e 800 sacos de carvão vegetal, totalizando 2,5 toneladas irregular, prontos para venda. Os números da ação, que aconteceu nas cidades de Itaberaba, Iaçu, Boa Vista do Tupim e Andaraí, foram divulgados hoje (2).

Segundo os órgãos responsáveis pela operação, os sacos de carvão vegetal não tinham documentos fiscais e licenças ambientais necessárias para a comercialização e permanecerão retidos à disposição dos órgãos ambientais. Já as aves silvestres estavam aprisionadas em gaiolas pequenas, em condições precárias de higiene, sem água, luz e sem circulação de ar, configurando maus-tratos. Entre as espécies resgatadas, estão os pássaros conhecidos popularmente como periquito, sabiá, pássaro preto, canário da terra, baiano, coleira, chorão, bigode, trinca ferro, cardeal, papa capim, entre outros.

TV METRO

Entrevistas

Ceuci Nunes

Em 17 de maio de 2021
ASSINE O CANALMETROPOLE NO YOUTUBE
Pássaros silvestres e carvão vegetal irregular foram apreendidos em operação na região da Chapada Diamantina - Metro 1