Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Bahia

IBGE: 80% das pessoas que deixaram trabalho na Bahia entre 2019 e 2020 eram informais

Ficaram na informalidade a menor quantidade desde o início da série histórica da PNAD

[IBGE: 80% das pessoas que deixaram trabalho na Bahia entre 2019 e 2020 eram informais]
Foto : Larissa da Silva Santos MST-PR

Por Adele Robichez no dia 10 de Março de 2021 ⋅ 13:40

De acordo com dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 80% das pessoas que deixaram de trabalhar na Bahia entre 2019 e 2020 eram informais. Das 626 mil pessoas a menos trabalhando no estado, 515 mil não tinham carteira assinada, autônomos, com empregadores sem CNPJ ou auxiliares em negócio familiar.

Em 2019, 3.165 milhões de pessoas trabalhavam informalmente. Em um ano, esse número caiu 16,3%, ficando ocupadas na informalidade, 2,651. Foi a menor quantidade desde o início da série histórica da PNAD.

O emprego com carteira assinada também recuou na Bahia em 2020, chegando a seu menor patamar desde 2012, com 1,327 milhão de empregados no setor privado nessa condição - 134 mil a menos do que em 2019 (-9,2%). 

Notícias relacionadas