Terça-feira, 11 de janeiro de 2022

Bahia

Bahia registrou 111 casos de racismo em 2021, afirma secretaria

Vinculado à Sepromi, o Centro de Referência de Combate ao Racismo e à Intolerância Religiosa Nelson Mandela é responsável pelo monitoramento no estado

Bahia registrou 111 casos de racismo em 2021, afirma secretaria

Foto: Divulgação/Sepromi

Por: Metro1 no dia 02 de dezembro de 2021 às 09:59

A Bahia registrou 111 casos de racismo em 2021, até o momento. O levantamento é feito pelo Centro de Referência de Combate ao Racismo e à Intolerância Religiosa Nelson Mandela, vinculado à Secretaria Estadual de Promoção da Igualdade (Sepromi). O estudo leva em conta apenas os casos que são levados ao conhecimento das autoridades, o que significa que o número pode ser ainda maior. 

Um caso recente, que ganhou repercussão, foi o do adolescente Menor Nico, um cantor e influencer baiano que recebeu uma série de ofensas racistas em seu perfil em uma rede social. O artista denunciou a situação ao Ministério Público, que protocolou o registro e tenta identificar os responsáveis.

De acordo com a Sepromi, o levantamento é feito desde 2013. Em 2019, 148 casos foram registrados. O número caiu para 93 em 2020 e, no último mês deste ano, há a constatação do aumento. 

A organização Nelson Mandela oferece suporte psicológico, social e jurídico para as vítimas do crime. O centro fica localizado na Avenida Manoel Dias da Silva, no bairro da Pituba.

Bahia registrou 111 casos de racismo em 2021, afirma secretaria - Metro 1