Segunda-feira, 29 de novembro de 2021

Bahia

Empresas de viagens alertam passageiros sobre surto de Zika nas Américas

O vírus Zika transmitido pelo mosquito Aedes aegypti já se encontra presente em 23 países e territórios nas Américas. Diante do surto, empresas de viagens já começaram a alertar passageiros do risco de contaminação. Até o momento, o país mais atingido é o Brasil, com 3.700 casos da malformação congênita devastadora chamada microcefalia, que têm forte suspeita de estar relacionado com Zika. [Leia mais...]

Empresas de viagens alertam passageiros sobre surto de Zika nas Américas

Foto: Reprodução/Agência Brasil

Por: Matheus Simoni no dia 31 de janeiro de 2016 às 10:02

O vírus Zika transmitido pelo mosquito Aedes aegypti já se encontra presente em 23 países e territórios nas Américas. Diante do surto, empresas de viagens já começaram a alertar passageiros do risco de contaminação.  Até o momento, o país mais atingido é o Brasil, com 3.700 casos da malformação congênita devastadora chamada microcefalia, que têm forte suspeita de estar relacionado com Zika.

A Royal Caribbean International, empresa norueguesa de cruzeiros, passou a enviar para os seus clientes cartilhas com informações e recomendações a respeito do novo vírus. No material, a empresa alerta para o perigo de contaminação para mulheres grávidas, oferecendo também opções de rotas alternativas, evitando passar por regiões atingidas pelo vírus, ou até o reagendamento de viagens em até dois anos.

Na cartilha também contém informações sobre as precauções a serem tomadas  ao se visitar regiões afetadas. A Royal pede que os clientes evitem locais abertos, recomenda o uso de repelentes ao sair de casa e de camisas coloridas que cubram pernas e braços.

Empresas de viagens alertam passageiros sobre surto de Zika nas Américas - Metro 1