Sexta-feira, 01 de julho de 2022

Bahia

"Vamos ter calma e esperar que os números baixem mais", diz Rui sobre retirada das máscaras

No entanto, ao menos oito cidades baianas já flexibilizaram o uso de máscaras antes mesmo de uma resolução no âmbito estadual

"Vamos ter calma e esperar que os números baixem mais", diz Rui sobre retirada das máscaras

Foto: Reprodução Redes Sociais

Por: Metro1 no dia 29 de março de 2022 às 12:25

O governador da Bahia, Rui Costa, se manifestou, nesta terça-feira (29), em uma rede social, sobre a obrigatoriedade do uso de máscaras no estado. Para Rui, ainda não é o momento de se flexibilizar o uso do equipamento.

"Hoje temos cerca de 1.500 baianos e 110 pacientes na UTI. O coronavírus ainda está circulando. E os municípios não estão mais testando, logo, o número é ainda maior", disse. "Vamos ter calma e esperar que os números baixem mais antes de desobrigarmos o uso de máscaras", continuou.

No entanto, ao menos oito cidades baianas já flexibilizaram o uso de máscaras antes mesmo de uma resolução no âmbito estadual. Na última segunda-feira (28), foi a vez de Feira de Santana, maior cidade da Bahia, anunciar que as máscaras não são mais obrigatórias em ambientes abertos.

Em Salvador, apesar de defender a desobrigatoriedade do uso de máscaras, o prefeito Bruno Reis mantém o discurso de que irá tomar uma decisão com relação a isso com base no que o governo preconizar. 

Em falas anteriores, o próprio Rui afirmou que vai tomar uma decisão sobre o caso no início de abril, depois de analisar a situação epidemiológica da Bahia.

"Vamos ter calma e esperar que os números baixem mais", diz Rui sobre retirada das máscaras - Metro 1