Faça parte do canal da Metropole no WhatsApp >>

Quinta-feira, 18 de julho de 2024

Home

/

Notícias

/

Bahia

/

Operador de esquema de fraudes bancárias é preso em Feira de Santana; R$ 90 milhões foram desviados

Bahia

Operador de esquema de fraudes bancárias é preso em Feira de Santana; R$ 90 milhões foram desviados

Os criminosos utilizavam aplicativos de gerenciamento remoto para controlar os celulares das vítimas e realizar transferências ilícitas de valores

Operador de esquema de fraudes bancárias é preso em Feira de Santana; R$ 90 milhões foram desviados

Foto: Divulgação/MPBA

Por: Metro1 no dia 10 de julho de 2024 às 11:37

Atualizado: no dia 10 de julho de 2024 às 11:47

Um homem foi preso em Feira de Santana, cidade localizada a cerca de 130 km de Salvador, na manhã desta quarta-feira (10), por ser apontado como um dos principais operadores de um esquema milionário de fraudes bancárias executado em todo o país. O esquema desviou R$ 90 milhões.

A investigação começou no final de 2022, após boletins de ocorrência relatarem a subtração de valores de contas bancárias. Os criminosos utilizavam aplicativos de gerenciamento remoto para controlar os celulares das vítimas e realizar transferências ilícitas de valores. A ação foi realizada pelo Ministério Público da Bahia, por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas e Investigações Criminais (Gaeco). As equipes também cumpriram mandado de busca e apreensão na residência do investigado.

O cumprimento dos mandados faz parte da "Operação Mão Fantasma", deflagrada pelo MP de Santa Catarina, com ações em sete estados, Santa Catarina, São Paulo, Paraná, Rio de Janeiro, Bahia, Paraíba e Ceará, com o objetivo de desarticular três organizações criminosas especializadas em fraudes bancárias, especialmente na prática dos golpes conhecidos como "mão fantasma/acesso remoto" e "falsa central de atendimento". A operação envolve o cumprimento de 34 mandados de prisão preventiva e 73 mandados de busca e apreensão.