Bahia

Secretário vai tentar reverter retirada de barracas em Porto Seguro

O secretário de Turismo da Bahia, José Alves comentou, em entrevista ao Metrópole Turismo nessa segunda-feira (12), a notícia que as barracas Axé Moi e Toa Toa, as principais de Porto Seguro, no Sul da Bahia, serão demolidas [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Reprodução/Axe Moi/Facebook

Por Bárbara Silveira e Gabriel Nascimento no dia 12 de Setembro de 2016 ⋅ 11:22

O secretário de Turismo da Bahia, José Alves comentou, em entrevista ao Metrópole Turismo nessa segunda-feira (12), a notícia que as barracas Axé Moi e Toa Toa, as principais de Porto Seguro, no Sul da Bahia, serão demolidas. A decisão teria sido tomada com base no pedido do procurador da Justiça Federal de Eunápolis, Fernando Zelada. O proprietário da Axé Moi, Beto Nascimento, afirmou estar surpreso e disse que fará o possível para evitar a “tragédia”.

O secretário afirmou que ainda não falou com o dono dos empreendimentos, mas que vai tentar ajudar “no que puder” e comparou a situação com a retirada das barracas de Salvador, em 2010, ainda na gestão de João Henrique. “A história das barracas de Porto Seguro se parece até com aqui de Salvador. Em Porto Seguro eles foram até mais profissionais, porque as barracas são verdadeiras casas de evento. Claro que você não pode ir contra a justiça, agora, de qualquer sorte, existem argumentações, conversas, foi isso que eu tava tentando falar com ele, pra tentar dentro da legalidade, reverter o quadro. Se for legalmente possível”, disse. 

 

Notícias relacionadas