Bahia

AL-BA: 'Quero que Coronel aprove a PEC do fim da reeleição', diz Otto

O senador Otto Alencar (PSD-BA) comentou a eleição de Angelo Coronel para a presidência da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) e disse que defendeu a sua candidatura da mesma forma que defende a aprovação pela Casa da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que prevê o fim da reeleição no mesmo período legislativo. [Leia mais...]

[AL-BA: 'Quero que Coronel aprove a PEC do fim da reeleição', diz Otto]
Foto : Reprodução

Por Yasmin Garrido, Luiza Leão e Matheus Morais no dia 16 de Março de 2017 ⋅ 18:17

O senador Otto Alencar (PSD-BA) comentou a eleição de Angelo Coronel para a presidência da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) e disse que defendeu a sua candidatura da mesma forma que defende a aprovação pela Casa da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que prevê o fim da reeleição no mesmo período legislativo. "Eu defendi isso como presidente da Assembleia de 95 até 97", disse.

Já sobre o ex-presidente da AL-BA Marcelo Nilo, o senador se limitou a dizer que, do ponto de vista administrativo, "eles [os deputados] têm que se entender lá [na Assembleia]". Ele ainda disse que não pode fazer críticas ao deputado, pois não está sabendo das coisas que acontecem na Casa.

Otto ainda falou da candidatura de seu irmão, Eduardo Alencar, ex-prefeito de Simões Filho, para deputado estadual. "Ele está decidindo isso. Se coloca como candidato e tem que ver as circunstâncias que vão levar à candidatura", declarou o senador.

Notícias relacionadas