Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Bahia

Diretor do Detran lamenta alto índice de acidentes na Bahia: “Mais de 600 mil mutilados”

De acordo com dados divulgados pelo Detran/BA, o número de indenizações pagas por mortes no trânsito aumentou em 40% na Bahia, em um ano. O balanço mostrou que foram feitos 1.358 pagamentos até junho deste ano, contra 965 em 2016. Em entrevista à Rádio Metrópole nesta quarta-feira (20), o diretor-geral do Detran, Lúcio Gomes, afirmou que é preciso reduzir o número de acidentes nas vias baianas [Leia mais...]

[Diretor do Detran lamenta alto índice de acidentes na Bahia: “Mais de 600 mil mutilados”]
Foto : Divulgação/BRPM

Por Bárbara Silveira e Gabriel Nascimento no dia 20 de Setembro de 2017 ⋅ 09:35

De acordo com dados divulgados pelo Detran/BA, o número de indenizações pagas por mortes no trânsito aumentou em 40% na Bahia, em um ano. O balanço mostrou que foram feitos 1.358 pagamentos até junho deste ano, contra 965 em 2016. Em entrevista à Rádio Metrópole nesta quarta-feira (20), o diretor-geral do Detran, Lúcio Gomes, afirmou que é preciso reduzir o número de acidentes nas vias baianas.

“Faço cá minhas considerações, porque esses dados podem estar subavaliados, uma vez que nem todas as pessoas fazem a solicitação desse seguro. Então, muitos acidentes deixam de ser registrados e deixam de fazer parte dessa contabilidade. Mas só pelo seguro, o contingente de pessoas acidentadas, são mais de 600 mil mutilados, 600 mil processos, é um contingente imenso e não dá pra a gente suportar com a irresponsabilidade do trânsito que tem aumentado de fato o número de acidentes”, disse.

Notícias relacionadas

[Restrições são prorrogadas na Bahia ]
Bahia

Restrições são prorrogadas na Bahia

Por Gabriel Amorim no dia 02 de Março de 2021 ⋅ 18:36 em Bahia

Cidades da RMS seguirão com restrições até a próxima segunda (8); para o resto do estado o toque de recolher será válido até o final do mês