Bahia

Instituições federais de ensino no estado têm bloqueios que ultrapassam R$ 100 milhões

Valores bloqueados correspondem em média a 30% da chamada base discricionária

[Instituições federais de ensino no estado têm bloqueios que ultrapassam R$ 100 milhões]
Foto : Dário Guimarães/Metropress

Por Juliana Almirante no dia 17 de Junho de 2019 ⋅ 08:20

Os bloqueios do governo federal em instituições federais de ensino na Bahia ultrapassam o montante de R$ 100 milhões, de acordo com dados divulgados pelo Ministério da Educação (MEC) ao portal Fiquem Sabendo

Os valores bloqueados correspondem em média a 30% da chamada base discricionária, referente aos recursos que a gestão da instituição pode decidir como utilizar a partir de suas demandas próprias.

A maior instituição de ensino baiana, a Universidade Federal da Bahia (Ufba), que também tem a maior verba discricionária R$ 168.014.021, acumula ainda o maior bloqueio em números absolutos: R$ 50.404.206. A quantia contigenciada corresponde a 29% do total.

Já o Instituto Federal Baiano (IF-Baiano) apresenta bloqueios de R$ 17.051.058, 30% da verba de R$ 56.836.869.

O ranking continua com a Universidade Federal do Recôncavo Baiano (UFRB) - R$ 14.584.812 do total de R$ 48.616.044; Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) -  R$ 11.563.947 do total de R$ 38.546.501; Univesidade Federal do Oeste da Bahia (UFOB) - R$ 8.272.857 de R$ 27.576.190; Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB) - R$  6.116.997 de R$ 20.389.993. 

Notícias relacionadas

[Inema aponta 15 praias impróprias para o banho; confira]
Bahia

Inema aponta 15 praias impróprias para o banho; confira

Por Kamille Martinho no dia 08 de Dezembro de 2019 ⋅ 13:00 em Bahia

O instituto ainda recomenda aos usuários das praias que ao observarem presença de óleo evitem fazer a utilização das mesmas e não toquem, nem removam os resíduos encontra...