Bahia

Governo nega que água consumida em Salvador esteja contaminada por óleo

Em nota, administração estadual afirma que captação no Rio Joanes acontece muito longe da foz, o que impede qualquer possível contaminação

[Governo nega que água consumida em Salvador esteja contaminada por óleo]
Foto : Alberto Coutinho/GOVBA

Por Juliana Rodrigues no dia 23 de Outubro de 2019 ⋅ 09:40

Após a contaminação do estuário do rio Joanes pelas manchas de óleo que atingem o litoral baiano, o Governo do Estado afirmou, hoje (23), que não há risco de contaminação da água que abastece Salvador e a Região Metropolitana. O manancial é a principal fonte de abastecimento de água da região.

Segundo comunicado do governo, a captação da água é feita muito longe da foz, na barragem do Rio Joanes. "O óleo, além de ter que vencer a correnteza do rio, também teria que ultrapassar a barreira física da barragem", diz a nota.

A administração estadual ainda afirma que segue fazendo "todo o trabalho necessário para evitar mais danos" ao meio ambiente baiano.

Notícias relacionadas