Bahia

Caminhoneiro é preso com 3,2 t de maconha na BR-116

Segundo a PRF, apenas em 2019, foram 15 toneladas da droga apreendidas nas rodovias federais que cortam o estado

[Caminhoneiro é preso com 3,2 t de maconha na BR-116]
Foto : Divulgação / PRF

Por Juliana Rodrigues no dia 11 de Novembro de 2019 ⋅ 10:00

Um motorista de caminhão foi detido e cerca de 3,2 toneladas de maconha foram apreendidas por agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF), na manhã de ontem (10), no Km 677 da BR 116, perto de Jequié, no sudoeste baiano. Segundo a corporação, o caso aconteceu durante fiscalização de rotina com foco no cumprimento da Lei de Descanso, que regulamenta o tempo de repouso que deve ser feito pelo motorista durante seu trajeto. Além da droga, os policiais apreenderam outros pertences do condutor.

Ao abordarem o caminhão, os policiais rodoviários observaram que o compartimento de carga estava repleto de caixas de verdura vazias. O caminhoneiro informou que fora contratado para buscar castanhas em Feira de Santana, no centro-norte baiano, e que, em seguida, retornaria para seu local de origem, a cidade de Paranavaí, no Paraná.

Os policiais fizeram uma busca minuciosa no veículo e flagraram 160 pacotes de substância análoga à maconha escondidos abaixo das caixas vazias. A quantidade da droga, posteriormente pesada, chegou a 3,25 toneladas. Questionado sobre o entorpecente, o homem de 39 anos revelou que havia sido contratado para levá-lo até Feira de Santana e que receberia o valor correspondente a 30 mil reais pelo transporte da maconha. Diante do flagrante, os policiais deram voz de prisão ao condutor.

O condutor, o caminhão, a quantia de R$ 364 em espécie, três aparelhos celulares da marca Samsung, uma sacola de cor preta com roupas de uso pessoal e as 3,2 toneladas de maconha apreendidas foram encaminhadas à delegacia local.

Ainda segundo a PRF, só neste ano, 15 toneladas de maconha foram apreendidas nas rodovias federais que cortam a Bahia.

Notícias relacionadas