Bahia

PGE entra com ação no MP-BA contra mulher que chamou polical de 'macaco'

Além do crime de injúria racial, ação inclui crime de desacato a servidor público em cumprimento de suas funções

[PGE entra com ação no MP-BA contra mulher que chamou polical de 'macaco']
Foto : Reprodução

Por Geovana Oliveira no dia 28 de Outubro de 2020 ⋅ 19:45

A Procuradoria Geral do Estado (PGE) divulgou hoje (28) que entrou com ação criminal no Ministério Público da Bahia (MP-BA) contra a idosa, de 64 anos, que chamou um policial militar negro de "macaco", durante uma prisão no mês passado.

O episódio aconteceu em ação para deter Libânia Maria Dias Torres,  que agredia a companheira. Ela foi presa em flagrante no dia 16 de setembro após dar um tapa no rosto do policial militar e chamá-lo de "macaco". Por isso, além de injúria racial, a ação da PGE inclui o crime de desacato a servidor público em cumprimento de suas funções. 

A idosa é escrivã do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) na comarca de Curaçá. Em setembro, o Tribunal instaurou sindicância para investigar a servidora da casa.

Notícias relacionadas