Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Brasil

Ministro da Justiça diz que vai pedir abertura de inquérito para apurar textos de jornalistas

Declaração foi dada após a publicação de um texto do escritor e colunista da Folha de S. Paulo, Ruy Castro, com o título "Saída para Trump: matar-se"

[Ministro da Justiça diz que vai pedir abertura de inquérito para apurar textos de jornalistas]
Foto : Marcelo Camargo/Agência Brasil

Por Juliana Rodrigues no dia 11 de Janeiro de 2021 ⋅ 09:00

O ministro da Justiça e Segurança Pública, André Mendonça, afirmou ontem (10) que vai pedir a abertura de inquérito policial para apurar publicações de dois jornalistas neste fim de semana.

A declaração foi dada após a publicação de um texto do escritor e colunista da Folha de S. Paulo, Ruy Castro, com o título "Saída para Trump: matar-se". O autor afirma que, se o presidente americano optar pelo suicídio, Jair Bolsonaro (sem partido) deveria imitá-lo. O jornalista Ricardo Noblat, da revista Veja, compartilhou o texto de Castro nas redes sociais e também foi alvo de críticas do ministro.

"Alguns jornalistas chegaram ao fundo do poço. Hoje dois deles instigaram dois presidentes da República a suicidar-se. Apenas pessoas insensíveis com a dor das famílias de pessoas que tiraram a própria vida podem fazer isso", escreveu Mendonça, nas redes sociais.

Para o ministro, as publicações são crimes contra chefes de Estado e de desrespeito à pessoa humana e à nação.

Notícias relacionadas