Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Brasil

Covid-19: Brasil completa uma semana com recordes na média de mortes 

Foram 1.760 mortes em 24 horas e total chega a 262,9 mil desde o início da pandemia

[Covid-19: Brasil completa uma semana com recordes na média de mortes ]
Foto : Paula Fróes/GOVBA

Por Cristiele França no dia 06 de Março de 2021 ⋅ 10:02

O consórcio de veículos de imprensa divulgou um novo levantamento da situação da pandemia de coronavírus no Brasil a partir de dados das secretarias estaduais de Saúde, consolidados às 20h de ontem (5). De acordo com informações do G1, o país registrou 1.760 mortes pela Covid-19 nas últimas 24 horas - segundo dia de ligeira queda em relação aos dois recordes desde o início da pandemia, batidos na terça e quarta-feira - chegando ao total de 262.948 óbitos.

Com isso, a média móvel de mortes no Brasil nos últimos 7 dias chegou a 1.423, esta ainda em alta e com novo recorde - é a maior desde o começo da pandemia. A variação foi de 35% em comparação à média de 14 dias atrás, indicando tendência de alta nos óbitos pela doença.

Já são 44 dias seguidos com a média móvel de mortes acima da marca de 1 mil, 8 dias acima de 1,1 mil, e pelo sexto dia a marca aparece acima de 1,2 mil. Em casos confirmados, desde o começo da pandemia 10.871.843 brasileiros já tiveram ou têm o novo coronavírus, com 75.337 desses confirmados no último dia. A média móvel nos últimos 7 dias foi de 59.150 novos diagnósticos por dia -- o maior número registrado desde o começo da pandemia. Isso representa uma variação de 27% em relação aos casos registrados em duas semanas, o que indica tendência de alta também nos diagnósticos.

Dezessete estados e o Distrito Federal estão com alta nas mortes: Bahia, Paraná, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo, Goiás, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Acre, Tocantins, Alagoas, Ceará, Maranhão, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Distrito Federal. 

Notícias relacionadas