Quinta-feira, 12 de maio de 2022

Brasil

Em dois meses, 13 mil profissionais de saúde foram afastados por Covid ou gripe

A análise foi feita apenas em 14 capitais do país e não chegou a considerar Salvador, que tem mais de 2.200 profissionais de saúde afastados

Em dois meses, 13 mil profissionais de saúde foram afastados por Covid ou gripe

Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

Por: Metro1 no dia 15 de janeiro de 2022 às 17:00

Além da pressão de novos pacientes infectados com Covid-19 ou gripe em todo o país, o sistema de saúde está sofrendo com a perda de profissionais também para essas doenças. Segundo levantamento feito pela Agência CNN, na sexta-feira (14), cerca de 13 mil trabalhadores da área foram afastados entre dezembro de 2021 e janeiro de 2022, devido a infecção por coronavírus ou síndrome gripal. 

A análise foi feita apenas em 14 capitais do país e não chegou a considerar Salvador, que tem mais de 2.200 profissionais de saúde afastados. 

Dentre as capitais analisadas, a que possui mais trabalhadores afastados é o Rio de Janeiro (5.500), seguido por São Paulo (3.193). Se constasse na lista, Salvador estaria em terceiro lugar.

Em dois meses, 13 mil profissionais de saúde foram afastados por Covid ou gripe - Metro 1