Faça parte do canal da Metropole no WhatsApp >>

Segunda-feira, 26 de fevereiro de 2024

Brasil

Braskem é multada em mais de R$ 72 milhões por causa do risco de colapso em Maceió

Desde o dia 30 de novembro, o solo do local afunda a uma velocidade de 0,27 cm/h e já cedeu 1,86 m

Braskem é multada em mais de R$ 72 milhões por causa do risco de colapso em Maceió

Foto: UFAL

Por: Metro1 no dia 05 de dezembro de 2023 às 15:42

Atualizado: no dia 05 de dezembro de 2023 às 16:41

A Braskem foi multada pelo Instituto do Meio Ambiente de Alagoas (IMA-AL) em mais de R$ 72 milhões por causa do risco de colapso e desabamento da mina 18, no bairro Mutange, em Maceió. A informação foi divulgada pelo IMA-AL nesta terça-feira (5). 

Desde o dia 30 de novembro, o solo do local afunda a uma velocidade de 0,27 cm/h e já cedeu 1,86 m. A mina é uma das 35 que a empresa mantinha para extração de sal-gema, um mineral utilizado na fabricação de soda cáustica e PVC.

Segundo o IMA, a Braskem foi autuada por degradação ambiental, gerando condições desfavoráveis para as atividades sociais e econômicas, a multa neste caso foi de R$ 70.274.316,30. Além disso, a empresa também foi multada por omissão de informação sobre a obstrução da cavidade da mina 18. A multa aplicada por isso foi de R$ 2.027.143,92.

A possibilidade de desabamento de uma das minas da Braskem provocou a evacuação de residências e até de um hospital. A gravidade da situação levou a prefeitura a decretar situação de emergência, reconhecida pelo governo federal.