Brasil

Rússia aumenta restrições para carnes brasileiras devido a \"substâncias fora dos padrões\"

A Rússia, país considerado o quarto maior importador da carne bovina brasileira, aumentou, nos últimos dias de outubro, as restrições para o produto. [Leia mais...]

[Rússia aumenta restrições para carnes brasileiras devido a \
Foto : FMVZ/ USP

Por Luiza Leão no dia 04 de Novembro de 2017 ⋅ 08:18

A Rússia, país considerado o quarto maior importador da carne bovina brasileira, aumentou, nos últimos dias de outubro, as restrições para o produto. Temporariamente, a autoridade sanitária russa proibiu a importação de um frigorífico e impôs uma série de controles sanitários mais rígidos a outros cinco.

No ano passado, a Rússia ficou atrás apenas da China, Hong Kong e Arábia Saudita, importando quase US$ 1 bilhão do Brasil, o que fica em torno de 7,5% da produção total.

Segundo o Serviço Federal de Vigilância Sanitária e Veterinária na Rússia, foram encontradas substâncias fora dos padrões sanitários nos frigoríficos: JBS, Aurora, Frigo Estrela, Frigol e Frigon - Irmãos Gonçalves.

Além disso, foi suspensa, temporariamente, a importação do frigorífico Mata Boi. Os produtos já embarcados passarão por vistoria.

Notícias relacionadas