Brasil

MPF investiga MC Mirella por tráfico internacional de menores

Artista classificou as acusações como "um absurdo", depois de vídeo ter sido divulgado por uma das supostas vítimas

[MPF investiga MC Mirella por tráfico internacional de menores]
Foto : Reprodução/ Instagram

Por Juliana Almirante no dia 20 de Abril de 2019 ⋅ 10:00

O Ministério Público Federal (MPF) abriu uma apuração sobre a suposta prática de tráfico internacional de crianças e adolescentes para fins sexuais pela cantora MC Mirella.

No sábado passado, uma jovem de 17 anos relatou, nas redes sociais, que a cantora fez uma proposta em novembro de 2017, quando ela ainda tinha 16 anos. Mirella teria oferecido até R$ 5 mil para que a adolescente passasse um final de semana "com um amigo", identificado como um empresário do Paraguai.

A artista classificou as acusações como "um absurdo", mas confirmou que teve a conversa.

No vídeo, a cantora inicia uma conversa com a adolescente oferecendo R$ 2 mil e passagens de ida e volta, além de "despesas" necessárias, para passar um final de semana saindo "com um amigo".

"Linda, um fã seu que é meu amigo insistiu muito para falar com você, ele quer saber se você topa sair com ele um final de semana, ele paga R$ 2 mil + passagem de ida e volta + despesas, ele é muito tranquilo e super de boa e já tem tempo que ele quer sair com você", afirma a MC, nas imagens divulgadas.

A jovem rejeita três vezes o convite, quando a cantora subiu o valor oferecido para R$ 5 mil e propõe fazer o pagamento de forma antecipada.

Após a conversa viralizar nas redes sociais, a jovem pediu que não utilizassem a imagem dela e chegou a desativar a conta na rede social.

"Eu acho que ela (Mirella) foi errada, sim. Recebeu, sim, para me vender, e eu sinto muito por isso. Sinto que alguém tentou me vender. O pior de tudo é isso, o homem do Paraguai, que não aceitou um não. Nenhuma mulher pode ser vendida por preço nenhum. Eu lembro que fiquei com muito medo na época", relatou a vítima.

Procurada pela reportagem do Extra, a assessoria da cantora afirmou que ela não daria mais declarações sobre o caso e que resolverá a questão juridicamente.

Notícias relacionadas