Brasil

Rastro de óleo não é do navio grego Bouboulina, diz cientista da Ufal

Segundo Humberto Barbosa, o rastro de 85km de extensão aparece antes do navio passar pela rota

[Rastro de óleo não é do navio grego Bouboulina, diz cientista da Ufal]
Foto : Gov/PE

Por Metro1 no dia 06 de Novembro de 2019 ⋅ 18:20

O cientista do Laboratório de Análise e Processamento de Imagens de Satélites (Lapis), da Universidade Federal de Alagoas (Ufal), Humberto Barbosa, afirma que o rastro de óleo de 85km de extensão, detectado por uma fotografia de satélite não pertence ao navio grego Bouboulina.

A trajetória da mancha encontrada se assemelha à do navio, apontado pela Polícia Federal como principal suspeito do vazamento de óleo que atinge os nove estados do Nordeste brasileiro.

Entretanto, segundo o cientista, o rastro de óleo aparece no local antes do embarcação grega passar pela rota. A constatação levou o pesquisador a buscar um outro suspeito para o crime.

Notícias relacionadas