Quarta-feira, 01 de dezembro de 2021

Brasil

Fim do DPVAT diminui fonte de receita do SUS

Em 2018, entre os R$ 4,6 bilhões arrecadados, R$ 2,1 bilhões foram destinados ao Fundo Nacional da Saúde

Fim do DPVAT diminui fonte de receita do SUS

Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil

Por: Juliana Almirante no dia 13 de novembro de 2019 às 13:20

A extinção do Seguro DPAVT não acaba somente com a indenização para qualquer vítima de trânsito, mas ainda vai eliminar uma importante fonte de recursos do Sistema Único de Saúde (SUS).

No ano passado, entre os R$ 4,6 bilhões arrecadados, R$ 2,1 bilhões foram destinados ao Fundo Nacional da Saúde. 

A forma como o governo vai compensar essa perda, no entanto, ainda não foi esclarecida. A justificativa para a extinção do DPVAT é de que o seguro obrigatório seria alvo de fraudes e tem alto custo operacional.

O superintendente da  Associação Nacional de Transportes Públicos (ANTP), Luiz Carlos Néspoli, avalia que o reforço na arrecadação é fundamental, porque “quem atende o acidentado no trânsito é o hospital público”.

Já o presidente do Observatório Nacional de Segurança Viária, José Aurélio Ramalho disse em entrevista à rádio Bandeirantes que o fim do DPVAT “vai deixar uma lacuna nos recursos para atendimento dos acidentados”. Além disso, a maioria das vítimas é de baixa renda e se desloca a pé ou de motocicleta.

Fim do DPVAT diminui fonte de receita do SUS - Metro 1