Brasil

Governo do Ceará afasta 168 policiais por participação em motim

O afastamento, que durará 120 dias, foi publicado no Diário oficial do Estado desta sexta

[Governo do Ceará afasta 168 policiais por participação em motim]
Foto : José Cruz/Agência Brasil

Por Luciana Freire no dia 22 de Fevereiro de 2020 ⋅ 17:30

O governo do estado do Ceará afastou 168 policiais militares por participação no motim, que entra no seu quinto dia hoje (22). O afastamento, que durará 120 dias, foi publicado no Diário oficial do Estado de ontem (21). Os agentes sairão da folha de pagamento a partir de fevereiro.

De acordo com o G1, a abertura de processos disciplinares contra os militares afastados ocorrerá de duas formas. A primeira, envolve os inquéritos militares, cujo julgamento acontecerá na Justiça Militar. O segundo consiste no procedimento administrativo disciplinar realizado pela Controladoria Geral de Disciplina (CGD).

O secretário de Segurança Pública do Ceará, André Costa, afirmou ao G1 que parte dos envolvidos no motim já foi identificada. Entre a tarde de ontem e a manhã de hoje, pelo menos 37 homicídios foram registrados.

Notícias relacionadas