Brasil

Médicos e enfermeiros são alvos de denúncias por fake news e 'curas milagrosas' da Covid-19

Ao menos 79 denúncias foram registradas

[Médicos e enfermeiros são alvos de denúncias por fake news e 'curas milagrosas' da Covid-19]
Foto : Leonardo Souza /PMF

Por Metro1 no dia 28 de Junho de 2020 ⋅ 19:00

Um levantamento, baseado em informações disponibilizadas pelas assessorias de todos os 27 conselhos regionais de medicina e de enfermagem, revela que ao menos 79 denúncias foram registradas contra médicos e enfermeiros por divulgação de fake news ou 'curas milagrosas' durante a pandemia do novo coronavírus. Em 40 casos, foram abertas sindicâncias para apurar a denúncia; em seis, já há processos éticos. O levantamento foi feito pelo G1.

Das 79 denúncias, 59 foram registradas pelos conselhos regionais de medicina e 20 pelos de enfermagem. Os conselhos regionais de medicina também registram a maior parte das sindicâncias (36 de 40) e dos processos éticos (5 de 6). 

Parte das denúncias recebidas pelos conselhos regionais gerou interdição temporária das atividades profissionais. A maioria deles, entretanto, não dá mais detalhes sobre denúncias, sindicâncias ou processos éticos.

Notícias relacionadas