Brasil

Filha de Queiroz interrompeu repasses logo após suposto vazamento de investigação à família de Bolsonaro

Extratos bancários indicam que Nathália devolvia parte de seu salário para abastecer o suposto esquema de "rachadinha" operado pelo pai, Fabrício Queiroz

[Filha de Queiroz interrompeu repasses logo após suposto vazamento de investigação à família de Bolsonaro]
Foto : Reprodução/Redes sociais

Por Metro1 no dia 13 de Agosto de 2020 ⋅ 17:20

A personal trainer Nathália Queiroz, filha do policial militar aposentado Fabrício Queiroz, interrompeu os repasses mensais que fazia ao pai após o suposto vazamento de informações ao senador Flávio Bolsonaro sobre investigações que envolviam seu então gabinete na Assembleia Legislativa do Rio. As informações são da Folha de S. Paulo.

À época do suposto vazamento pela Polícia Federal (PF), Queiroz atuava como uma espécie de chefe de gabinete de Flávio na Assembleia, enquanto Nathália recebia salários do então deputado federal Jair Bolsonaro na Câmara dos Deputados. Extratos bancários indicam que Nathália devolvia parte de seu salário para abastecer o suposto esquema de "rachadinha" operado pelo pai.

De acordo com dados da quebra de sigilo bancário autorizada pela Justiça, a última transferência feita por Nathália a Queiroz ocorreu em 21 de setembro de 2018. Após essa data, ela recebeu vencimentos da Câmara dos Deputados em outubro e novembro, mas não os repassou ao pai como fazia havia 12 anos. O período coincidiu com a data do suposto vazamento da PF.

Notícias relacionadas