Brasil

Vídeo fora de contexto é usado para acusar brigadistas do ICMBio de provocar incêndio

Imagens são de uma equipe do ICMBio no entorno da Estação Ecológica de Taiamã, em Mato Grosso

[Vídeo fora de contexto é usado para acusar brigadistas do ICMBio de provocar incêndio ]
Foto : Dimitri Argolo Cerqueira / Divulgação

Por Luciana Freire no dia 16 de Setembro de 2020 ⋅ 17:00

Um vídeo que distorce uma ação de queima controlada como um ato criminoso provocado pelos próprios brigadistas viralizou nas redes sociais esta semana.

As imagens são de uma equipe do ICMBio no entorno da Estação Ecológica de Taiamã, em Mato Grosso, porém com uma locução que dá a entender que os profissionais estão dando início a um incêndio florestal.

Não está comprovado se a narração foi feita de brincadeira pelo brigadista que fez a filmagem ou se foi inserida depois, para incriminá-los. 

O ICMBio esclarece em nota que “no vídeo, brigadistas do ICMBio realizam atividade de queima controlada. A prática serve para eliminar a matéria orgânica seca, de maneira programada e monitorada, e assim reduzir o combustível das queimadas”.

 

Notícias relacionadas