Brasil

Ana Maria Braga revela ter quebrado o braço ao fugir de assédio sexual de diretor de TV

Apresentadora não citou o nome do agressor, mas destacou que ele não foi punido

[Ana Maria Braga revela ter quebrado o braço ao fugir de assédio sexual de diretor de TV]
Foto : Reprodução / TV Cultura

Por Metro1 no dia 22 de Setembro de 2020 ⋅ 11:20

A apresentadora Ana Maria Braga revelou, durante participação no programa Roda Viva, da TV Cultura, ontem (21), que quebrou o braço na tentativa de fugir do assédio sexual de um diretor de televisão. Ela não revelou o nome do assediador, a empresa, ou o ano do ocorrido.

"O assédio não foi feito fisicamente porque eu estava na sala de um diretor. Ele tinha pedido um projeto para mim, que ia ser muito bom para a televisão brasileira. Fiz um projeto lindo. Fiquei 15 dias trabalhando no projeto. Acreditando que eu pudesse sair do programa da tarde e ter um programa à noite na televisão. Porém, quando entreguei, ele veio para cima", narrou. "Com isso eu fiquei completamente estupefata. Ele falou: 'olhe, vem aqui'. Depois da fala dele, eu fugi com tanto ímpeto que despenquei da escada", prosseguiu.

Após o ocorrido, ela decidiu denunciar o diretor. Questionada se gostaria de dar nome aos bois, a apresentadora negou. "Não, não há necessidade. Todo mundo já percorreu o seu caminho".

Ana ainda revelou que seu agressor não foi punido, e contou que o reencontrou anos depois, quando dirigia o setor comercial das revistas femininas da Editora Abril. "Ele continuou sendo o que ele era. A gente não se encontrou mais. Passado muitos anos, eu estava saindo de um restaurante, e essa figura estava adentrando o recinto. Quando ele olhou para mim, ele baixou o olho e se mandou", pontuou.

Notícias relacionadas