Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Cidade

Defensoria entra com ação contra Marcell Moraes por agressão a idoso

Processo pede retirada de imagens e também aciona o ex-deputado por danos morais

[Defensoria entra com ação contra Marcell Moraes por agressão a idoso]
Foto : Reprodução

Por Gabriel Amorim no dia 29 de Janeiro de 2021 ⋅ 18:21

A Defensoria Pública do Estado da Bahia (DPE-BA) deu entrada em ação contra o ex-deputado estadual Marcell Moraes depois que o próprio ex-parlamentar divulgou imagens onde aparece agredindo um idoso. Logo antes, Julio Ferreira dos Santos havia sido flagrado dando pauladas em um cachorro. A ação pede a retirada das imagens das redes sociais além de acionar o ex-deputado por danos morais. 

O idoso agredido esteve hoje (29) na sede da DPE para prestar depoimento que será usado na ação. Após a agressão, Julio foi instalado em uma unidade de acolhimento no bairro dos Barris. O acolhimento aconteceu após  abordagem social da Secretaria Municipal de Promoção Social, Combate à Pobreza, Esportes e Lazer (Sempre). Além do depoimento, o idoso fez exame de corpo de delito.

Em uma postagem que circula as redes sociais, Julio Ferreira conta um pouco de sua história. “Eu sei que cometi um mau trato contra o meu cachorro e estou muito arrependido disso. Eu nunca fiz isso, nunca fiz. Eu sempre dormi com o meu cachorro debaixo dos baús de caminhões e em uma barracazinha no porto do Comércio, viu abençoado? Tenho um amigo no portuário que é veterinário e que me ajuda muito com Amoroso. Ele sempre foi manso, sabe? Mas de ‘uns tempo pra’ cá começou a avançar nas ‘pessoa’ e até já mordeu uma criança”, diz o início do relato publicado no perfil Salvador Invisível 

O projeto, em conjunto com o Movimento População de Rua, assinou ontem (29) uma nota de repúdio contra a agressão do ex-deputado Marcell Moraes ao senhor Júlio. O Salvador Invisível ainda afirmou que vai enviar nos próximos dias uma representação contra o ex-deputado para o Ministério Público, a Defensoria Pública, Conselhos Municipais de Idosos e de Assistência Social, e também à Comissão de Direitos Humanos da OAB-BA.

 

 

 

 

Notícias relacionadas