Segunda-feira, 02 de agosto de 2021

Cidade

Profissional de saúde diz que não tomou vacina por erro no sistema da SMS

A auxiliar de dentista conta que se sente exposta, e que procurou diversas instâncias da saúde mas não foi atendida

Profissional de saúde diz que não tomou vacina por erro no sistema da SMS

Foto: André Carvalho/Smed

Por: Luciana Freire no dia 28 de junho de 2021 às 15:28

No dia 5 de maio, a auxiliar de dentista Elisabeth Jesus dos Santos, 37, conferiu que seu nome estava na lista da Secretaria de Saúde de Salvador para receber a primeira dose da vacina contra a Covid-19, e no dia 7 foi até o Estadio Barradão para se vacinar. Ao chegar sua vez, foi surpreendida com a informação de que no sistema consta que ela já tomou a primeira dose no dia 27 de fevereiro na Escola Bahiana de Medicina.

"Mas eu não tomei nenhuma dose. Quem tomou a vacina dia 27 de fevereiro foi a minha patroa. Na época, não era por agendamento. Ela me chamou para ir, mas eu ainda tinha que pegar um documento na clínica e estava com dor de estômago. Não fui", conta Elisabeth. E continua: "O nome dela está no sistema, mas o meu também e esse é o erro. Ela disse que quando foi lá teve que apresentar vários documentos e talvez daí pegaram o meu nome e registraram errado".

A profissional de saúde conta que, a princípio, foi orientada a corrigir o erro na Bahiana. Ela foi até a faculdade mas não foi recebida. Retornou, e também não teve assistência. Ela e sua chefe fizeram quatro reclamações na ouvidoria, sem retorno. No dia 21 de junho, as duas foram até a Secretaria Municipal de Saúde, que as informou que o Centro de Operações de Emergência em Saúde Pública (COE) entraria em contato por e-mail.

"Até agora não recebi nada, e tenho urgência. Não parei de trabalhar, estou exposta. A vacina é um direito meu", desabafa Elisabeth.

A Secretaria Municipal de Saúde foi procurada pelo Metro1, e não respondeu até a publicação da matéria.

Profissional de saúde diz que não tomou vacina por erro no sistema da SMS - Metro 1