Sexta-feira, 03 de dezembro de 2021

Cidade

Diretora do Couto Maia critica Ministério da Saúde por suspensão da vacina em adolescentes: "Se curvou ao negacionismo"

Ceuci também chamou o MS de oportunista

Diretora do Couto Maia critica Ministério da Saúde por suspensão da vacina em adolescentes: "Se curvou ao negacionismo"

Foto: Arquivo/Metropress

Por: Tailane Muniz no dia 17 de setembro de 2021 às 09:55

Diretora-geral do Hospital Couto Maia, em Salvador, a infectologista Ceuci Nunes usou as redes sociais, na manhã desta sexta-feira (17), para criticar o Ministério da Saúde. Em seu Twitter, a médica afirmou que o órgão já foi respeitado mas que "se tornou um órgão menor. Se curvou ao negacionismo".

A declaração de Ceuci ocorre um dia depois da suspensão da vacinação para o público adolescente sem comorbidades, por orientação do Ministério da Saúde. Ceuci disse também que o MS é oportunista. "Utiliza recomendações da OMS de forma oportunista. Ao invés de ser um farol nas orientações sobre a Pandemia, só causa confusão".

Ao suspender a estratégia para o público mais jovem, na manhã de quinta-feira (16), o Ministério da Saúde disse que Secretaria Extraordinária de Enfrentamento à Covid-19, vinculada a pasta nacional da saúde, divulgou a  Nota Técnica nº 40/2021 - documento que revisa a recomendação para imunização contra COVID-19 em adolescentes de 12 a 17 anos, restringindo o seu emprego somente àqueles de 12 a 17 anos que apresentem comorbidades, deficiência permanente, ou que estejam privados de liberdade. 

Diretora do Couto Maia critica Ministério da Saúde por suspensão da vacina em adolescentes: "Se curvou ao negacionismo" - Metro 1