Faça parte do canal da Metropole no WhatsApp >>

Quarta-feira, 17 de abril de 2024

Cidade

Alvo de protestos, secretaria da Educação diz que alterações no currículo "valorizam" professores

Por meio de nota, a Smed discordou dos questionamentos feitos pelos docentes

Alvo de protestos, secretaria da Educação diz que alterações no currículo "valorizam" professores

Foto: Reprodução Google Street View

Por: Maria Clara Andrade no dia 01 de fevereiro de 2022 às 10:35

A Secretaria Municipal da Educação (Smed) se pronunciou, nesta terça-feira (1), sobre as queixas dos professores da rede com relação à mudanças na grade de alunos do Ensino Fundamental.

Por meio de nota, a pasta negou a retirada das disciplinas de Artes, Educação Física e Inglês da matriz curricular. Mas afirma que houve uma adaptação.

"Apenas no 1° e 2° ano, quando as crianças de seis e sete anos estão em processo de alfabetização, essas disciplinas serão melhor conduzidas por professores pedagogos, liberando os professores especialistas de Artes e Educação Física para atender às necessidades dos alunos dos anos seguintes, para os quais não há substitutos", explicou.

Para Rui Oliveira, presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia (APLB), no entanto, a mudança não faria sentido. "A justifica é que está faltando professor dessas disciplinas no Fundamental II", diz Rui, que considera que a melhor opção seria contratar mais professores em vez de substitui-los por outros profissionais sem formação na área. Para esta terça-feira (1º) está marcado um protesto em frente ao Centro de Convenções, na Boca do Rio.

Com relação às aulas de Inglês, a Smed diz que "não haverá qualquer alteração na prática pedagógica do professor" da disciplina nessas turmas.

A Smed considera ainda que a mudança trará benefícios para os alunos do 1º e 2º ano, por aumentar a carga horária com professores pedagogos. Além disso, a secretaria acredita que o trabalho dos professores de Artes e Educação Física será melhor aproveitado em turmas mais avançadas.

Confira a nota completa:

A Secretaria Municipal da Educação (Smed) informa que as disciplinas de Artes, Educação Física e Inglês, essas continuam fazendo parte integrante da matriz curricular de todos os anos do Ensino Fundamental. Apenas no 1° e 2° ano, quando as crianças de seis e sete anos estão em processo de alfabetização, essas disciplinas serão melhor conduzidas por professores pedagogos, liberando os professores especialistas de Artes e Educação Física para atender às necessidades dos alunos dos anos seguintes, para os quais não há substitutos. Não haverá qualquer alteração na prática pedagógica do professor de Inglês nessas turmas. Importante salientar que essa mudança vai trazer grandes benefícios para os alunos do 1° e 2° ano que terão dois professores pedagogos com uma carga horária maior, trazendo maior facilidade de interação e integração com esses alunos; parte dos professores pedagogos que atendem a essas crianças terão sua carga horária ampliada em cada turma, reduzindo à metade o número de turmas necessárias para cumprirem sua jornada semanal de trabalho, resultando em grande vantagem e benefício para esses professores; os professores de Artes e Educação Física que ministravam suas aulas nas turmas de 1° e 2° ano serão alocados nas turmas dos anos mais adiantados, nas quais serão muito melhor aproveitados e poderão demonstrar todo seu potencial pedagógico. Portanto, são medidas muito bem pensadas de otimização dos recursos humanos tão valiosos da Secretaria Municipal de Educação, que geram eficiência e valorizam os profissionais da educação, sem trazer qualquer prejuízo para os alunos ou professores.