Quinta-feira, 18 de agosto de 2022

Cidade

Bahia tem 2 milhões de títulos cancelados, diz TRE; regularização deve ser feita até maio

Serviços eleitorais virtuais do tribunal serão oferecidos em todo o estado

Bahia tem 2 milhões de títulos cancelados, diz TRE; regularização deve ser feita até maio

Foto: Reprodução

Por: Metro1 no dia 09 de fevereiro de 2022 às 12:41

Ao menos 2 milhões de baianos tiveram seus títulos cancelados, segundo informou, nesta quarta-feira (9), o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA). Conforme o órgão eleitoral, atualmente, a Bahia tem 2.294.537 títulos cancelados. Já Salvador, 377.470 (16,45%). Essas pessoas tiveram o título cancelado por não terem feito o cadastro biométrico ou não comparecerem nos últimos três pleitos.

Os eleitores que não fizerem a regularização, além de não votarem, não podem fazer empréstimos em bancos, se inscrever em concursos públicos, entre outros. Mesmo sem ter o cadastro biométrico, os eleitores poderão votar caso procurem a ferramenta e regularizem a situação até 4 de maio.

Serviços para toda a Bahia
Os serviços do  Núcleo de Atendimento Virtual ao Leitor (NAVE), da corte eleitoral serão ampliados para todos os baianos a partir de hoje. O serviço que, desde que foi criado, em agosto do ano passado, estava restrito apenas aos moradores de Salvador, passa a ser ofertado a todos os 417 municípios do estado.

O atendimento virtual pode ser acessado por meio do site oficial ou telefone 71 3373-7000, de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h. Na plataforma Telegram, também há a possibilidade de ser atendido pela atendente virtual @maiatrebot. Criado para dar suporte às zonas eleitorais, o NAVE acumula 20.155 atendimentos desde o lançamento. O serviço auxilia o público no pagamento de débitos eleitorais e na emissão de certidões disponíveis no cadastro eleitoral.

O NAVE conta com 26 atendentes, que auxiliam os eleitores e fazem videoconferências, caso seja necessário. Alguns deles são especialistas no atendimento para pessoas com deficiências.

Bahia tem 2 milhões de títulos cancelados, diz TRE; regularização deve ser feita até maio - Metro 1