Domingo, 03 de julho de 2022

Cidade

Por pautas inclusivas, indígenas organizam acampamento em frente à AL-BA no fim de abril

Ação deve contar com participação de 1 mil indígenas baianos, indicou a secretária-geral do Mupoiba

Por pautas inclusivas, indígenas organizam acampamento em frente à AL-BA no fim de abril

Foto: Reprodução/Redes Sociais

Por: Adele Robichez no dia 19 de abril de 2022 às 14:09

Um acampamento organizado pelo Movimento Unido dos Povos e Organizações Indígenas da Bahia (Mupoiba) reunirá mais de mil indígenas baianos em frente à Assembleia Legislativa do Estado (AL-BA), no Centro Administrativo (CAB), entre os dias 25 e 29 de abril. A ação levará reivindicações dos povos nativos ao governo, além de discutir pautas entre a comunidade, instituições e universidades da Bahia.

Esta será a quarta edição do acampamento. No dia 25, está prevista uma assembleia do movimento. Nos seguintes, haverá as reuniões e plenárias efetivamente, discutindo pontos como o espaço da mulher indígena, a educação escolar indígena e a inclusão de indígenas em universidades através das cotas. Também será lançada, no dia 28, a pré-candidatura de um deputado estadual indígena.

“Nós estamos com a expectativa de fazer esse diálogo com o estado, o judiciário e o legislativo. Teremos essas reuniões para avançar nas políticas públicas do estado porque ainda temos muitas demandas reprimidas, principalmente em áreas como educação, terras, segurança, saúde… há um grande leque de questões e demandas locais. Vamos focar em problemas do estado da Bahia, por isso o acampamento será aqui”, explica a secretária geral do Mopuiba, Rutian Pataxó, pertencente ao povo Pataxó Bahia.

O grupo ainda pretende entregar, ao próximo governador eleito para administrar o estado, uma carta-compromisso, para que as demandas dos povos indígenas sejam levadas para a frente.

Por pautas inclusivas, indígenas organizam acampamento em frente à AL-BA no fim de abril - Metro 1