Cidade

Léo Prates rebate Hilton Coelho sobre greve "eleitoreira e mesquinha"

O vereador Léo Prates (DEM), vice-líder do governo e líder do DEM na Câmara de Salvador, rebateu a declaração de Hilton Coelho (PSOL), que criticou o prefeito ACM Neto. Segundo o socialista, a declaração de Neto sobre a greve dos professores da rede municipal de ensino, classificada como “injusta e injustificada”, é um 'ataque à verdade'. [Leia mais...]

[Léo Prates rebate Hilton Coelho sobre greve
Foto : Tácio Moreira/Metropress

Por Matheus Simoni no dia 09 de Março de 2016 ⋅ 20:45

O vereador Léo Prates (DEM), vice-líder do governo e líder do DEM na Câmara de Salvador, rebateu a declaração de Hilton Coelho (PSOL), que criticou o prefeito ACM Neto. Segundo o socialista, a declaração de Neto sobre a greve dos professores da rede municipal de ensino, classificada como “injusta e injustificada”, é um 'ataque à verdade'.

Segundo Léo Prates, há regiões de Salvador onde 80% dos docentes estão em sala de aula. Ainda de acordo com o democrata, cerca de 60% dos professores da rede municipal de ensino não aderiram à greve. "A baixa adesão ocorre porque é uma greve eleitoreira e mesquinha da APLB Sindicato. Quero enaltecer o espírito público dos professores que não se curvaram a interesses partidários e botaram a educação das nossas crianças  em primeiro lugar", declarou.

Notícias relacionadas

[Mercado Municipal de Cajazeiras: 2 anos em reforma ]
Cidade

Mercado Municipal de Cajazeiras: 2 anos em reforma 

Por Alexandre Galvão no dia 19 de Setembro de 2019 ⋅ 09:00 em Cidade

A Superintendência de Obras Públicas (Sucop) não respondeu, mas o Diário Oficial do Município denunciou: a empresa vencedora da licitação foi a Qualy Engenharia