Faça parte do canal da Metropole no WhatsApp >>

Sábado, 13 de julho de 2024

Home

/

Notícias

/

Cidade

/

Com mais de 40 pedido de manutenção à Coelba, moradores completam 6 meses com fiação de poste soltando faísca na rua

Cidade

Com mais de 40 pedido de manutenção à Coelba, moradores completam 6 meses com fiação de poste soltando faísca na rua

Moradores têm receio de fios pegarem fogo e incendiarem árvore

Com mais de 40 pedido de manutenção à Coelba, moradores completam 6 meses com fiação de poste soltando faísca na rua

Foto: Leitor Metro1

Por: Júlia Lordelo no dia 14 de junho de 2024 às 18:42

O risco de incêndio na fiação de um poste da Neoenergia Coelba tem tirado o sono de Ana Valéria Santos e seus vizinhos, moradores da Rua Rio Jacuípe, no bairro Monte Serrat, em Salvador. Desde dezembro do ano passado, ela presencia fios enrolados nos galhos da árvore de sua casa faiscando.

Desde então, já foram, segundo ela, 48 protocolos solicitando manutenção à empresa, mas nenhuma solução foi dada. Tudo começou, de acordo com Ana Valéria, em 21 de dezembro, depois de uma forte chuva que atingiu a cidade. “Como tem um fio de alta tensão que passa entre os galhos com a água da chuva causou isso. Eu digo faíscas, mas parecia fogos de artifício”, relata a moradora. Naquele mesmo dia, o Corpo de Bombeiros foi acionado, mas informou aos moradores que o serviço precisava ser da própria Coelba, já que se tratava de um fio de alta tensão. 

“A Coelba só veio depois de dois ou três dias e informou que precisava de um serviço da própria Coelba chamado Linha Viva, mas só recebemos a visita dessa Linha Viva em fevereiro”, contou. Ainda de acordo com a moradora, o serviço chegou a voltar ao local outras vezes. Em nenhuma delas terminaram a operação ou solucionaram o problema na fiação, mas em todas, relata a moradora, as equipes confirmaram que há risco para a casa de Ana Valéria e dos vizinhos.

O perigo é ainda maior porque a fiação está enrolada nos galhos de uma árvore que já invade a casa de Ana Valéria, chegando à sua porta e varanda. Como os fios estão energizados, a moradora não consegue um serviço para poda da árvore. “Se pegar fogo na árvore, vai passar imediatamente para minha casa [...] fico o dia inteiro tensa com receio de acontecer alguma coisa. E tem mais umas duas árvores na rua no mesmo lado do passeio com a mesma situação”, lamentou. 

Ao Metro1, a Neoenergia Coelba informou que uma equipe especializada realizou a poda de uma árvore na Rua Rio Jacuípe, mas Ana Valéria contesta que tenha sido a que fica em frente à sua casa. Ainda segundo a empresa, uma visita técnica já havia sido realizada no local para análise das manutenções preventivas que estão programadas para serem executadas. A distribuidora ainda esclareceu que a poda de árvores é responsabilidade da prefeitura, a Coelba realiza apenas quando galhos estão próximos ou em contato com a rede elétrica, como no caso de Ana Valéria.