Cidade

Vaticano apresenta grupo "Consulta Feminina"; cardeal diz que não é 'maquiagem'

Com o objetivo de contar com a representação feminina e dar um maior peso ao olhar da mulher para a sociedade contemporânea, nesta terça-feira (7), o Vaticano apresentou o grupo "Consulta Feminina" que é formado por 37 mulheres. A nomeação aconteceu em comemoração ao Dia Internacional da Mulher. [Leia mais...]

[Vaticano apresenta grupo
Foto : Divulgação

Por Luiza Leão no dia 07 de Março de 2017 ⋅ 17:32

Com o objetivo de contar com a representação feminina e dar um maior peso ao olhar da mulher para a sociedade contemporânea, nesta terça-feira (7), o Vaticano apresentou o grupo "Consulta Feminina" que é formado por 37 mulheres. A nomeação aconteceu em comemoração ao Dia Internacional da Mulher.

Entre os nomes integrantes do organismo estão a ex-embaixadora do Chile para a Santa Sé Mónica Jiménez, a jornalista turca Yasemin Taksin e a teóloga iraniana Sharaz Housman.

Na ocasião, o papa Francisco e outros cardeais não participaram do evento porque estão em exercícios espirituais. A Consulta Feminina foi criada em 2015 e se reúne três vezes por ano.

De acordo com o cardeal italiano e presidente do Conselho Pontifício da Cultura, Gianfranco Ravasi, essa nomeação não é uma operação de "maquiagem".

Notícias relacionadas