Cidade

Secretário André Fraga assume temporariamente a Codesal após prisão de Gustavo Ferraz

Após a prisão do ex-superintendente da Defesa Civil de Salvador (Codesal), Gustavo Ferraz (PMDB), e sua posterior exoneração do cargo, o prefeito ACM Neto (DEM), disse na manhã desta segunda-feira (11), em entrevista coletiva, que o cargo está sendo ocupado temporariamente pelo secretário de Cidade Sustentável, André Fraga.[Lei mais...]

[Secretário André Fraga assume temporariamente a Codesal após prisão de Gustavo Ferraz]
Foto : Divulgação

Por Paloma Morais no dia 11 de Setembro de 2017 ⋅ 14:17

Após a prisão do ex-superintendente da Defesa Civil de Salvador (Codesal), Gustavo Ferraz (PMDB), e sua posterior exoneração do cargo, o prefeito ACM Neto (DEM), disse na manhã desta segunda-feira (11), em entrevista coletiva, que o cargo está sendo ocupado temporariamente pelo secretário de Cidade Sustentável, André Fraga.  

“Por enquanto, o secretário André Fraga, de Cidade Sustentável, responde hoje pela Codesal. A Codesal está ligada à Secretaria de Cidade Sustentável e o secretário André Fraga já teve desde a semana passada, a partir de um comando dado por mim, a incumbência de assumir a coordenação da Codesal até que então a gente possa definir um nome que, de maneira permanente, venha assumir a Codesal e tocar os trabalhos”, afirmou.

Neto não estabeleceu um prazo para que um substituto de Gustavo Ferraz seja definido. O democrata ainda afirmou que pretende também realizar outras mudanças na equipe da Prefeitura nos próximos dias. “Eu estou fazendo alguns ajustes essa semana. Eu estou fazendo algumas mudanças pontuais na nossa equipe de trabalho, que não se limitará apenas à escolha de um novo diretor para a Codesal”. Segundo Neto, pelo menos três mudanças pontuais serão realizadas.

Questionado sobre o cargo de diretor da Codesal poder ser repassado a outro integrante do PMDB, o democrata alegou que as escolhas serão feitas a partir do critérios técnicos."Aqui na prefeitura não tem cota de [partido] A, B ou C. Aqui na prefeitura todas as funções passam por uma análise minha e por uma decisão minha. O Gustavo Ferraz, ele já era anteriormente colaborador da prefeitura, na Diretoria de Habitação. Do ponto de vista técnico, ele vinha fazendo um bom trabalho na Codesal, o que não exime os fatos que estão aí postos, o que me fez tomar uma decisão imediata [pela exoneração]", disse.

Notícias relacionadas