Cidade

Mota diz que redesenho das linhas vem para \"enfrentar problemas crônicos\"

O secretário municipal de Mobilidade, Fábio Mota, foi entrevistado por José Eduardo, na Rádio Metrópole, na manhã desta segunda-feira (2), e comentou o processo de \"redesenho das linhas\" de Salvador. De acordo com Mota, as mudanças — que já recebem reclamações — vêm para \"enfrentar problemas crônicos\". [Leia mais...]

[Mota diz que redesenho das linhas vem para \
Foto : Tácio Moreira/Metropress

Por Gabriel Nascimento e Matheus Morais no dia 02 de Outubro de 2017 ⋅ 09:51

O secretário municipal de Mobilidade, Fábio Mota, foi entrevistado por José Eduardo, na Rádio Metrópole, na manhã desta segunda-feira (2), e comentou o processo de \"redesenho das linhas\" de Salvador. De acordo com Mota, as mudanças — que já recebem reclamações — vêm para \"enfrentar problemas crônicos\". \"Estamos redesenhando as linhas da cidade. Nós contratamos um estudo, lotação dos ônibus e o tamanho das viagens estão entre os problemas. A primeira fase começa pela Estação Acesso Norte e lá vamos criar uma estação de transbordo\", disse.

\"A gente precisa fazer um enfrentamento que é um problema de anos e anos. A qualidade de oferta de viagens, vamos aumentar. A ideia é diminuir a quantidade de tempo\", acrescentou.

O secretário voltou a explicar sobre a mudança para os metropolitanos, que deixam de circular pela capital. \"Com a chegada do metrô, não faz sentido o ônibus concorrer com o metrô. Agora com a integração, o passageiro desce na Estação Mussurunga, pega o metrô e pode pegar outro ônibus de Salvador. Antes o passageiro pagava duas passagens, hoje só uma\", explicou.

Notícias relacionadas