Cidade

Pediatra, estudante de engenharia e outros seis são presos em operação de combate à pedofilia

Um médico pediatra, um aposentado, um auxiliar administrativo, um estudante de engenharia química, um técnico em informática e outros dois homens -- que não tiveram as profissões divulgadas -- foram presos nesta sexta-feira (20), em Salvador, durante a operação Luz na Infância, que visa o combate à pedofilia. [Leia mais...]

[Pediatra, estudante de engenharia e outros seis são presos em operação de combate à pedofilia]
Foto : Arquivo/ Agência Brasil

Por Luiza Leão no dia 20 de Outubro de 2017 ⋅ 17:31

Um médico pediatra, um aposentado, um auxiliar administrativo, um estudante de engenharia química, um técnico em informática e outros dois homens -- que não tiveram as profissões divulgadas -- foram presos nesta sexta-feira (20), em Salvador, durante a operação Luz na Infância, que visa o combate à pedofilia. A operação também foi deflagrada em outros 23 estados.

Além da prisão dos oito homens, os policiais da Delegacia Especializada de Repressão a Crimes contra a Criança e o Adolescente de Salvador (Derca) na capital baiana realizaram apreensões de computadores, pendrives, CDs, DVDs e outros equipamentos para armazenamento de informações. Em um dos dispositivos, a polícia encontrou um vídeo com o abuso sexual de um bebê de seis meses.

De acordo com a polícia, parte dos homens presos mora em bairros de classe média de Salvador, como Pituba, Stiep e Chame-Chame. Eles têm idades entre 30 e 79 anos e não possuíam antecedentes criminais. Não há registro de abuso sexual por parte dos suspeitos.

O crime ocorreu pelo porte de material pornográfico infantil. Só no computador de um dos homens havia imagens dele com crianças. A polícia, no entanto, vai investigar se as fotos são originais ou montagens.

Segundo o Ministério da Justiça, 108 pessoas foram presas em flagrante até as 14h30 em todo o Brasil.

Notícias relacionadas