Cidade

Com lixeiras pequenas e insuficientes, Parque da Cidade tem acúmulo de lixo

As críticas dos soteropolitanos sobre o tamanho e a quantidade de lixeiras dispostas no Parque da Cidade são muitas, e com razão. Os equipamentos, além de não terem tamanho para receber boa parte dos objetos consumidos pelos visitantes do local, como cocos, não são suficientes para dar conta de todo o lixo produzido no espaço. [Leia mais...]

[Com lixeiras pequenas e insuficientes, Parque da Cidade tem acúmulo de lixo]
Foto : Luiza Leão / Metropress

Por Laura Lorenzo no dia 29 de Outubro de 2017 ⋅ 12:22

As críticas dos soteropolitanos sobre o tamanho e a quantidade de lixeiras dispostas no Parque da Cidade são muitas, e com razão. Os equipamentos, além de não terem tamanho para receber boa parte dos objetos consumidos pelos visitantes do local, como cocos, não são suficientes para dar conta de todo o lixo produzido no espaço. Na manhã deste domingo (29), a reportagem do Metro1 flagrou o lixo acumulado em sacos fora das lixeiras disponibilizadas pela Prefeitura, que jé estavam lotadas.

No início do mês, o secretário de Cidade Sustentável e Inovação de Salvador, André Fraga, falou ao Metro1 e garantiu que as lixeiras no Parque da Cidade eram suficientes para a demanda do local. "A quantidade de lixeiras é suficiente, sim. Tirando, claro, um domingo, com shows e etc, quando a gente dá um reforço. A quantidade de lixeiras é perfeitamente adequada", afirmou.

As reclamações, contudo, são diversas. Na época, visitantes do Parque da Cidade relataram a insatisfação com a disponibilidade de lixeiras no parque. "Tem que aumentar, tem que ser aqueles cestos maiores porque não tem cabimento, não passa nem um coco naquele lixeiro. Se for fim de semana, então, com certeza não comporta", disse a soteropolitana Maria Pierre, que comemorou o aniversário do filho no espaço público.

Notícias relacionadas